Sesau emite documento falso sobre nomeação de vereador no Hospital Regional do Sertão

Sesau emite documento falso sobre nomeação de vereador no Hospital Regional do Sertão

Denúncia foi feita pelo deputado estadual, Davi Maia, durante sessão ordinária da ALE

O deputado estadual, Davi Maia (DEM), apresentou durante sessão ordinária da Assembleia Legislativa do Estado desta quarta-feira (22), uma declaração falsa emitida pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesau). No documento, o órgão atesta que o vereador de Delmiro Gouveia, Jamil Cordeiro, não consta na lista de servidores da Sesau.

“A declaração diz que não consta nenhum pagamento efetuado em nome de Jamil Cordeiro. Mas nós temos a relação do portal da transparência e toda a folha de pagamento do vereador, no valor de R$5 mil, totalizando até agora, em R$45 mil do Fundo Estadual de Saúde”, explicou Davi Maia.

O documento foi entregue na Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia, após denúncias protocoladas pelo vereador Tony Cloves. Ao receber o documento, que foi assinado pelo gerente de Valorização à Pessoa, a assessoria jurídica da Câmara foi induzida ao erro por isentar o vereador da culpa.

Davi Maia afirmou que essa documentação gera prevaricação e, pelo menos, uma improbidade administrativa. O parlamentar disse ainda que vai protocolar mais uma denúncia aos órgãos de controle.

“Vamos informar a Câmara de Vereadores que o processo foi induzido ao erro. Que o secretário Alexandre Ayres apure como os servidores dele estão assinando e mentindo para órgãos de controle. Estaremos protocolando a denúncia, e esperamos pelo menos, o ressarcimento dessa fortuna. Nós queremos uma posição definitiva da Secretaria do Estado da Saúde e da Comissão de Saúde desta Casa, que já conta com toda a documentação necessária”, concluiu o parlamentar.

Compartilhe:

Deixe uma resposta